Corrida Prevenindo lesões

Corrida de rua e Canelite, como tratar?

Corrida de rua e Canelite, como tratar? Muita gente me pergunta sobre canelite, a canelite é um tipo de lesão de esforço. A dor se localiza na borda externa da metade da região do pé ao lado da tíbia (tíbia). Essa é uma lesão que pode ser extrema e chegar a interromper os treinos (ninguém merece).

O diagnóstico requer um exame cuidadoso e focado. Geralmente se aborda a canelite com um “repouso relativo” para restaurar um nível sem dor de atividade e um regresso à competição (se for o caso).

Quais são os fatores de risco para adquirir a canelite?

Esses fatores incluem a corrida, excesso de treinamento em ladeiras, calçado inadequado para a atividade física, e má biomecânica das pernas e pés.

Qual é o tratamento para a canelite ?

Existem duas diferentes estratégias de gestão do tratamento: repouso total ou ” correr com”. A segunda é muitas vezes usada para atletas que não aceitam o repouso total, o que pode agravar o caso se não for feita com cautela, e muitas vezes vai levar a um agravamento da lesão e dos sintomas se o atleta continuar correndo.

Qual é a abordagem repouso relativo multifacetada ?

A abordagem repouso relativo ou multifacetada inclui uma mudança no treino, muito gelo, repouso, medicamentos anti-inflamatórios, exercícios de alongamento, possível mudança de calçado (você sabe se está usando o tênis correto para a sua pisada não? Leia um artigo completo aqui), e aumento gradual na execução das atividades.

Os passos seguintes são parte da abordagem multifacetada :

Exercícios como andar de bicicleta, nadar ou correr na piscina irão permitir a manutenção da aptidão cardiovascular.

Aplicação de compressas de gelo para reduzir a inflamação .

Medicamentos anti -inflamatórios , como o ibuprofeno ( Advil / Motrin ) ou naproxeno ( Aleve / Naprosyn ) , também são uma parte central da reabilitação (consulte o seu médico).

A Usar bandagem em torno da região também ajuda a reduzir o desconforto (uso de meias de compressão pode ajudar também, leia sobre aqui).

Fazer alongamento e fortalecimento para auxiliar nos problemas biomecânicos e reduzir a dor, devem ser feitos duas vezes ao dia.

Usar o calçado adequado ao  seu tipo de pisada (você sabe qual é a sua pisada? Tem um atigo sobre o assunto aqui incluindo o teste da pisada). Em alguns casos também é recomendado o uso de palmilhas (órteses ).

Depois de duas semanas quando você deixar de sentir os sintomas se pode:

Correr em terreno macio (como a grama por exemplo), mas com cautela:

A distância é limitada a 50 % do que você corria antes de se machucar.

Intensidade (pace) deve diminuir também, se deve correr lentamente.

Ao longo de um período de três a seis semanas, é permitido um aumento gradual da distância.

Depois das 6 semanas se pode pensar em melhorar a velocidade novamente.

Segue um exemplo de exercício para melhorar o problema:

Corrida de rua e Canelite, como tratar Corrida de rua e Canelite, como tratar
Sente-se em uma cadeira alta o suficiente para permitir que seus dedos apontem para, sem tocar no chão.

Coloque um pesinho de dois a seis quilos verticalmente entre seus pés, apertando o peso delicadamente para mantê-lo no lugar.

Comece apontando os dedos dos pés em direção ao chão. Em seguida, flexione os pés e levante os dedos dos pés o mais alto que puder.

Complete três séries de 12 repetições.

Sobre lesão no joelho leia mais aqui.

Bons treinos, sem lesões e #corracomigo

Fontes:

http://www.fitsugar.com/

http://www.medicinenet.com/

*Consulte sempre um médico ou um personal.

Comments

comments

8 Comments

  1. Ana, estou exatamente com este problema e a causa foi um treino que fiz ladeira à baixo…. o pace foi muito além do que estou acostumado. Resultado, já tem há uma semana sem treinar. Hoje a dor já se foi, vou pedalar um pouco e ver como fico. Vou fazer esse exercício.

    Abraços.

    Reply
    1. Author

      Ai Victor, um saco essas lesões, faz sim e coloca uma knesio que ajuda muito também, meu fisio me ensinou a fazer em casa, em breve vou tentar postar um video, estou apanhando do editor. Sorte nessa caminhada.

      Reply
  2. Já tive canelite quando eu corria em um local que toda hora eu tinha que descer da parte mais alta da calçada para a pista, então resolvi correr somente na pista sem ficar no sobe e desce e o problema se resolveu, nunca mais tive essa dor terrível na tíbia.

    Reply
  3. Tenho 52 anos e comecei a correr com 29, nunca tive nada, fiquei muito doente em 2013 e diminui minha atividade em 80% como engordei 9 kg, comecei a correr à 2 meses ( com 3kg amenos), estou correndo no asfalto, minha dor começou dia 01/02/2015, justamente na canela no osso! Estou super chateada, justo agora que preciso isso aconteceu! Ja estou fazendo compressas de gelo!aiaiai o que tenho q fazer?

    Reply

Post Comment

Translate »

Ao continuar no site, você está aceitando o uso de cookies. more information

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close