Bem Estar Corrida Histórias de quem corre Motivação diária

Por que eu amo a corrida de rua?

Por que eu amo a corrida de rua? Essa pergunta andou me atormentando por um tempo. Acho que tive um período de bode, não tava conseguindo sentir esse amor, mas isso acontece com tudo na vida né? Acho que tem épocas que nós estamos tão concentrados em outras coisas que não conseguimos sentir o amor nas pequenas coisas que são importantes para nós.
Pequenas coisas, tenho me concentrado bastante nelas, se tem uma coisa que a vida tem me ensinado é em ser feliz com as pequenas coisas que a vida proporciona, num por do sol, num jantar feito pelo namorado, na liberdade, em ter saúde, amigos, uma conversa, uma gargalhada com quem você ama (família ou amigos) esse tipo de coisa não tem preço, e se você não aproveitar tudo isso vivendo o momento, ah amigos já era porque o momento que passa não volta mais.

corrida de rua
Mas e a corrida de rua? Para mim correr sempre foi isso: o meu momento, a minha hora de paz onde eu conecto o corpo com espírito e curto a natureza meu redor, sempre que posso eu corro em parques ou florestas, eu sempre adorei escutar as minhas passadas e refletir sobre a vida, ou me concentrar no esforço que o corpo estava fazendo.
Em minhas últimas corridas não estava conseguindo fazer isso, estava concentrada em me preparar para o Ironman, e me chateava horrores quando não conseguia cumprir as distâncias, da forma que deveriam ser feitas, aí o prazer de correr simplesmente se apagou, o medo de fazer uma prova sem estar preparada e com dor novamente estava me incomodando e o resultado foi que sair para correr e cumprir planilha virou um fardo, e aí, por cima disso tudo comecei a sentir a canela.
Depois de desistir de participar da prova do meio Ironman (leia o relato aqui) eu resolvi deixar rolar e correr apenas quando estava com vontade, e o que desse sem sentir dor. E posso dizer que os kms de corrida diminuíram muito do meu normal, mas pelo menos eu estava compensando com a bicicleta.

corrida de rua
Tava faltando alguma coisa, e nem eu tava me entendendo, porque o frio do cão já passou esse ano (eu moro na Dinamarca vcs sabem), e normalmente quando eu chegava do trabalho eu já vinha com uma fome de corrida louca, agora mesmo com sol nada.
Resolvi rever os valores,  fazia tempo que não participava de uma prova, desde janeiro quando participei da kalenji run en Nice, veja como foi aqui, e resolvi me inscrever para ajudar na maratona de Copenhague.
Ao chegar na prova e ver aquela alegria, aquele medo e aquela vontade de correr estampada na cara das pessoas wow, eu já comecei a sentir uma faísca de paixão pela corrida de rua.
Aí veio o passar do dia, a elite chegou linda, rápida com aquele passo perfeito, mas foi mesmo durante o dia a ver pessoas comuns que se esforçaram para estar ali, quebrando recordes, superando seus limites, chorando, se emocionando que o amor retornou e eu pensei é por isso que eu amo correr, lágrimas, suor e esforço, é pelo que a corrida representa, pela disciplina de colocar o seu corpo a prova e de conseguir dividir o tempo entre trabalho, amigos, família e treino.

Família e amigos que estarão lá torcendo por você o abraço e a emoção na linha de chegada é o que nos move, sim eu amo correr.

20k neste fim de semana done e vocês?

corrida de rua

Beijão Ana

Acompanhe os treinos e as Dicas de corrida no Instagram corracomigo e de motivação no Facebook corracomigo oficial.


Comments

comments

Post Comment

Translate »

Ao continuar no site, você está aceitando o uso de cookies. more information

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close